fbpx

A rede europeia de Green Building Councils acaba de lançar um projecto de impulso à reabilitação energética no valor de 2,35 milhões de euros. OBuild Upon terá uma duração de dois anos e visa apoiar os governos no desenvolvimento de estratégias de reabilitação dos edifícios existentes, em consonância com as leis estabelecidas pela União Europeia.

O projecto, financiado pelo programa Horizonte 2020, vai guiar a concepção e implementação de um quadro de longo prazo para impulsionar reabilitações energéticas profundas em 13 países europeus. Os resultados do projecto serão incutidos nas estratégias v2.0 de renovação do edificado destes territórios, requeridas pela directiva europeia para a Eficiência Energética.

Numa primeira fase, a ideia passa por mapear uma rede de mais de mil stakeholders, as iniciativas de reabilitação a decorrer e o nível de conhecimento. Os Green Building Councils vão, com essa finalidade, trabalhar lado a lado com os governos e cidades para fomentar um processo de diálogo ao longo de um ano com os stakeholders, de forma a replicar as melhores práticas pela Europa fora.

Itália, Espanha, Irlanda, Eslovénia, República Checa, Turquia, Roménia, Suécia, Letónia, Bulgária, Finlândia, Eslováquia e Croácia são os países que integram o Build Upon.

“Os governos europeus têm uma tarefa extremamente difícil na definição de uma estratégia para potenciar uma reabilitação energeticamente eficiente e providenciar financiamento e instrumentos para ajudar a atingir essa escala”, reconheceu Emilio Miguel Mitre, coordenador do Build Upon. “Um ingrediente essencial que está em falta em cada país, neste momento, é um envolvimento em larga escala numa estratégia comum”, destacou.

Recorde-se que o projecto surge como uma forma de diminuir as emissões de CO2 na Europa, fomentando igualmente a criação de emprego no sector da construção e melhorando a qualidade do ambiente construído.

Fonte